.

Acessibilidade

Aumentar Fonte
.
Diminuir Fonte
.
Fonte Normal
.
Alto Contraste
.
Libras
.
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Mapa do Site
.
Acesso à informação
.

Das 9h às 12h, e das 13h às 16h, de segunda à sexta-feira. E-mail: contato@camarafartura.sp.gov.br

Idioma

Português

English

Español

Francese

Deutsch

Italiano

Educação - Terça-feira, 28 de Abril de 2015

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Parlamentares sugerem a equiparação salarial para os cargos de assistente e técnico de enfermagem

Parlamentares sugerem a equiparação salarial para os cargos de assistente e técnico de enfermagem


Parlamentares sugerem a equiparação salarial para os cargos de assistente e técnico de enfermagem

Os vereadores Fernando Pitukinha e Daniela Viana apresentaram uma indicação para o prefeito Tinho Bortotti sugerindo que a administração determine ao Departamento Jurídico da Prefeitura Municipal, a realização de estudo técnico visando conceder às servidoras, lotadas nos cargos de assistente de enfermagem, equiparação salarial com o cargo de técnico de enfermagem. Vale ressaltar que em meados do ano 2.000, novas regras surgiram no que tange a algumas profissões voltadas para a área da saúde, dentre elas, para a profissão de auxiliar de enfermagem. Naquela época, infelizmente, tal atividade laborativa deixou de ser reconhecida pelo órgão representativo da categoria, isto é, o COREN - SP (Conselho Regional de Enfermagem do Estado de São Paulo), passando a existir, tão somente, a profissão de técnico de enfermagem, cujas atribuições são estritamente similares.   Contudo é importante destacar que, tanto o técnico quanto o auxiliar de enfermagem, podem trabalhar em diversos tipos de unidades de saúde, tais como, Hospitais e Pronto Socorros, em Laboratórios de Análises Clínicas, em Domicílios, Ambulatórios de Empresas, Asilos, Creches, Escolas e Clubes, sempre com a supervisão de um enfermeiro.   O curso de técnico e o de auxiliar de enfermagem capacita o profissional a ter procedimentos diretos com o paciente, como por exemplo, administração de medicamentos e cuidados com curativos em geral, bem como é de sua responsabilidade a arrumação do leito. A única diferenciação entre as funções de uma e outra categoria é que o técnico pode trabalhar em setores fechados, como UTI e centro cirúrgico.   “Esse fato gerou uma situação, no mínimo, inusitada no quadro do funcionalismo público municipal, até porque atualmente há três cargos de assistentes de enfermagem trabalhando na mesma carga horária que os técnicos e com as mesmas atribuições, no entanto, percebendo ao final do mês remuneração diametralmente distintas”, justifica Pitukinha que espera da municipalidade, por questão de justiça e direito, estudar o caso com atenção e dedicação, com a finalidade de efetuar a equiparação salarial entre essas duas categorias.    COMUNIC 

335 Visualizações

Notícias relacionadas

Voltar para a listagem de notícias

.
.

Calendário de eventos

.
.

Acompanhe-nos

.
.

Câmara Municipal de Fartura - SP.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.